A EXPOSIÇÃO DE AZULEJOS ONTEM E HOJE

30 de Abril de 2014 | 18h00 | Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa | sala 5.2

A exposição de azulejos ONTEM
A partir do final de Oitocentos, o azulejo integrou as principais exposições de artes decorativas, assumindo um novo estatuto de objecto museológico e coleccionável. Em 1882 inaugurou, no Palácio de Cristal, no Porto, a Exposição de Cerâmica, integrando um núcleo de azulejaria autónomo, composto por azulejos provenientes de pequenos coleccionadores, do Museu do Carmo (AAP) e do arquitecto José Maria Nepomuceno. Já no século XX, em 1936, a Exposição Ulissiponense (Palácio Galveias, Lisboa) revelava preocupações museográficas de acordo com as mais modernas acepções, associando azulejos enquanto objectos museológicos e integrados no edifício. A primeira grande exposição de azulejo, com preocupações cronológicas, estéticas e didáticas e procurando afirmar a importância do azulejo no contexto português, decorreu em 1947, no Museu Nacional de Arte Antiga. Constituiu o primeiro ensaio de um processo que acabaria por conduzir à criação do Museu do Azulejo. Estas e outras exposições vão estar em destaque na próxima sessão do AzLab. Até lá, veja aqui algumas imagens antigas que mostram os diferentes aspectos destas várias exposições históricas.

_____________________________________________________

EXHIBITING AZULEJOS – THEN AND NOW

April 30, 2014 | 18h00 | Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa | room 5.2

Exhibiting azulejos – THEN
From the late 19th century onwards, the azulejo became part of the main decorative arts exhibitions, acquiring a new status as a collectible museum item. In 1882 the Ceramics Exhibition was opened in Oporto’s Crystal Palace, comprising an autonomous tile section, including azulejos from modest collectors, the Carmo Museum (AAP) and the architect José Maria Nepomuceno. Well into the 19th century, in 1936, the Ulissiponense Exhibition (Galveias Palace, Lisbon) displayed museographic concerns in line with the most modern trends, exhibiting azulejos both as museum items and architectural elements. The first major azulejo exhibition, with chronological, aesthetic and didactic concerns, aiming to reiterate the azulejo’s importance in the Portuguese context, took place in 1947, in the National Museum of Ancient Art. This was the first step of a process that would ultimately lead to the creation of the Azulejo Museum. These and other exhibitions will be highlighted in AzLab’s next session. Until then, we leave you with some old images depicting the different aspects of these historical exhibitions.

One thought on “A EXPOSIÇÃO DE AZULEJOS ONTEM E HOJE

  1. Nossa adorei… Vocês Portugueses são muito criativos. Eu trabalho com azulejo e cerâmica aqui no Brasil. Não me importava nada de poder mostrar meu trabalho com tamanha organização… Parabéns!
    Patricia Lobo GOIÂNIA-GO BRASIL

Deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s