A REFUNCIONALIZAÇÃO DOS EDIFÍCIOS. O AZULEJO NOS HOSPITAIS DE LISBOA

21 de Maio de 2014 | 18h00 | Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa | sala 5.2

Hospital de São José
O Colégio de Santo Antão-o-Novo, actual Hospital de São José, conserva in situ um vasto conjunto de revestimentos cerâmicos da maior importância para o estudo da azulejaria portuguesa. Muito embora a documentação permita conjecturar que a sua extensão original seria muito superior à que chegou até nós, os conjuntos subsistentes, datáveis da primeira metade do século XVIII, indicam que a sua aplicação ocorreu numa área próxima da igreja – contemplando os principais acessos e ligações entre os espaços do Colégio e nas ligações do próprio templo à sacristia.

A partir de 1722 há notícia da aplicação de azulejos no Colégio mas o período de maior actividade remonta aos anos de 1740, prolongando-se até meados da centúria. Se os azulejos de ambas as escadarias – a secundária e a nobre – podem suscitar dúvidas de enquadramento que os remetem para um período de transição entre o designado Ciclo dos Mestres e a Grande Produção Joanina, os restantes apresentam uma gramática decorativa que se inscreve na produção dos anos quarenta do século XVIII.

Cada espaço do antigo Colégio conserva um revestimento cerâmico que obedece a um programa iconográfico próprio, relacionado com as suas funcionalidades originais: na antiga Aula da Esfera (actual Salão Nobre) os azulejos espelham os ensinamentos que aí eram ministrados; as escadarias apresentam cenas do quotidiano da nobreza, com representações de episódios de caça, militares ou de guerra; no átrio – antiga Portaria – são visíveis cenas bíblicas inspiradas em passagens do Antigo Testamento e, em zonas de exterior, onde certamente era importante tirar partido de imagens relacionadas com a própria iconografia jesuíta, é possível observar os santos fundadores ou relevantes para a Companhia – Santo Antão, São João Baptista e Santo Inácio de Loyola.

_____________________________________________________

THE REUSE OF BUILDINGS. THE AZULEJO IN LISBON’S HOSPITALS


May 21, 2014 | 18h00 | Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa | room 5.2

Hospital of São José
The College of Santo Antão-o-Novo, currently housing the Hospital of São José, contains a vast ensemble of ceramic coverings of vital importance to the study of Portuguese azulejos. Although the remaining documents seem to suggest that the extension of the original coverings was far superior to the one now visible, the remaining azulejo panels, dating from the first half of the 18th century, indicate that the application took place in an area close to the church – including the main entries and connections, linking the College’s different spaces and the temple itself to the sacristy.

Even though there is evidence of the application of azulejos in the College from 1722 onwards, the most active period spans from the 1740s to the mid 18th century. While the azulejos in both staircases – the secondary and the main one – may raise contextual doubts, dating from a transition period between the so-called Masters’ Cycle and the Great Joanine Production, the others display a decorative grammar typical of the 1740s.

Each room of the old College exhibits a ceramic covering decorated with its own iconographic programme, related to its original use: in the old “Aula da Esfera” (today’s Grand Hall), the tile decoration evokes the teachings offered therein; the staircases display scenes from noblemen’s everyday life, including hunting, military or war-related episodes; the hallway – the old entrance – shows biblical scenes inspired by passages from the Old Testament, and some of the outdoor spaces, where the use of decorations displaying Jesuit iconography was undoubtedly very important, are adorned with the Society’s founding saints, or the ones closer to its doctrine – Saint Anthony, Saint John the Baptist and Saint Ignatius of Loyola.

Deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s