PRÓXIMAS SESSÕES

INVENTÁRIO | Outubro
SALVAGUARDA | Novembro
FÁBRICAS E MOSTRUÁRIOS | Dezembro

No mês de Outubro, mas começando em Setembro no blogue, o AzLab vai dedicar-se a discutir questões relacionadas com o inventário de azulejo in situ. Não percam, nesta sessão, o lançamento do Guia de Inventário de Azulejo in situ, que ficará acessível online e cujo objectivo é disponibilizar um modelo de inventário, cuja prática seja compatível com qualquer base de dados ou sistema informático (e facilite a integração ou a comunicação de dados), mas que seja capaz de fomentar a uniformização de procedimentos, da informação recolhida e que recorra a um mesmo vocabulário controlado. A ideia, num futuro próximo, é construir um inventário do património azulejar produzido e/ou aplicado em Portugal, e que permanece in situ. Trata-se de uma iniciativa da Rede Temática em Estudos de Azulejaria e Cerâmica João Miguel dos Santos Simões – IHA/FLUL, do Museu Nacional do Azulejo e do Instituto da Habitação e da Reabilitação Urbana.

Novembro é o mês da Salvaguarda e o que se pretende é perceber quais são os mecanismos de salvaguarda do azulejo in situ ou de que forma podem ser criados mecanismos que protejam, efectivamente, o património azulejar que ainda se conserva aplicado.

Para terminar o ano, em Dezembro contaremos com dois investigadores que têm estudado as fábricas de azulejo do século XIX e XX a partir dos mostruários subsistentes.

2015 trará novas e mais diversificadas sessões AzLab. Continue a acompanhar-nos!

– – – – –

Imagem: © Inês Leitão

_____________________________________________________

Next Sessions


INVENTORY | October

SAFEGUARD | November
FACTORIES AND SAMPLES | December

In October (but starting in September, on the blog), AzLab will discuss issues related to the inventory of azulejos in situ. Do not miss, during the next session, the release of the Azulejo’s in situ Inventory Guide, which will remain available online. Its purpose is to provide an inventory model compatible with every database or computer system, and to simplify the introduction and sharing of data, but also to promote the standardisation of procedures and gathered information, through the use of a unitary, controlled vocabulary. The idea, in the near future, is to assemble an inventory of the tile heritage produced and/or applied in Portugal, and still found in situ. The initiative is due to the João Miguel dos Santos Simões’ Thematic Network for the Study of Azulejos and Ceramics – IHA/FLUL, the Azulejo National Museum and the Institute for Housing and Urban Rehabilitation.

November is dedicated to Safeguard, and our task will be to identify the safeguard mechanisms available for azulejos in situ, or the ways in which such mechanisms can be set up, with the aim of protecting the tile heritage still found on location.

Towards the end of the year, in December, we will welcome two researchers focused on tiles factories from the 19th and 20 centuries, and the remaining tile samples.

2015 will bring new and varied AzLab sessions. Keep on following us!

– – – – –

Image: © Inês Leitão

Deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s